Unasp ajuda comunidade com o Imposto de Renda

Tamanho da LetraA+A-

Há seis anos estudantes do curso de Contábeis e Administração do Unasp campus Hortolândia, auxiliam as pessoas da comunidade que tem dúvidas na hora de preencher a declaração do Imposto de Renda. Este ano a prestação de serviços foi dividida em três etapas:

Plantão para tirar dúvidas no Shopping Hortolândia
Nos dias 03 e 04 de abril, alunos e professores montaram um stand de atendimento e ficaram à disposição para tirar dúvidas e agendar atendimento gratuito, no Shopping Hortolândia. O plantão durou dois dias, e foi notícia no jornal matutino Bom dia Cidade, da EPTV e no site G1.

Curso de declaração do Imposto de renda
No último domingo, dia 10 de abril, aconteceu a segunda etapa da ação. O curso que ensinava como fazer a declaração, contou com 53 inscritos e foi realizado no laboratório de informática do campus da universidade.
Carina Rodrigues, que trabalha como auxiliar administrativo, veio com uma amiga e espera que o curso proporcione a sua família mais independência. “Estou fazendo o curso para poder fazer o meu Imposto de Renda e também do meu esposo que é microempreendedor. Espero também, poder ajudar os meus familiares que tiverem dúvidas”, explicou Carina.

Atendimento gratuito para fazer a declaração do Imposto de Renda.
Para quem perdeu as duas etapas anteriores, mas ainda precisa declarar o imposto de renta, no próximo domingo, dia 17 de abril, os estudantes voluntários vão estar fazendo a declaração de Imposto de Renda das pessoas que necessitam. Para isto o interessado não pode ter renda anual superior a 50 mil reais e deve agendar seu horário de atendimento no site iasp.br. No dia e horário estabelecido, o inscrito deve levar todos os documentos que comprovem a renda e as despesas, a fim de preencher adequadamente a declaração. O atendimento gratuito vai acontecer no Unasp campus Hortolândia, das 9 às 12 horas.

Segundo o coordenador do projeto, professor Levi Morgan a ação visa atender a comunidade na qual a faculdade está inserida e ao mesmo tempo proporcionar aos estudantes uma experiência de atendimento ao público. “Os alunos têm a oportunidade de experimentar um desprendimento, uma vez que estão atendendo gratuitamente a comunidade. E esta prática vai beneficiar os próprios alunos, uma vez que podem conhecer as dúvidas e dificuldades das pessoas, e desta forma se preparar para auxiliar com eficiência seus futuros clientes”.

por Glória Barreto